Vôlei nas Olimpiadas 2012

 

medalha1No domingo, 17 de junho, a seleção masculina de vôlei foi eliminada pela Polônia na Liga Mundial de Vôlei e obteve o seu pior resultado na história da competição. Após a derrota, a equipe comandada por Bernardinho voltou para Saquarema, onde tentou se recompôr para que o mau resultado obtido na Liga Mundial não abalasse o grupo para o principal objetivo do ano: Ouro nas Olimpíadas de Londres.

Diziam que a equipe estava  em desvantagem já que quatro de seus principais atletas estão sofrendo com problemas físicos devido a lesões. Giba, por exemplo ficou 7 meses parado graças à uma cirurgia feita para a recuperação de uma fratura por estresse na tíbia e não está apresentando o melhor de sua forma física, apesar da lesão estar recuperada. Murilo e Dante sofrem de dores no ombro e joelho respectivamente e, por isso não estão apresentando o seu melhor rendimento. E Lucão começou a sentir dores nas costas, o que dificulta também o seu rendimento em quadra. Será que essas lesões serão um problema para nossos jogadores durante os jogos olímpicos?

Como temos visto a seleção tem jogado bem. Passou pelo “Fantasma Russo”, porém perdeu para a seleção americana. Perdemos porque não jogamos tão bem quanto os americanos ou porque a seleção está com jogadores comprometidos? Pelo que parece Lucão está bem, sacando bem e com bastante aproveitamento nas partidas.E Dante e Murilo não mostraram sentir dor durante os jogos. Até mesmo Giba não mostrou dificuldades ao entrar em quadra para tentar ajudar a selação a virar o jogo contra os Estados Unidos.

                                                                                                                                                       vôlei masculino

A fisioterapia e toda a equipe técnica da seleção têm um papel muito importante em momentos como esse. Quando os jogadores estão em temporada é necessário que haja um ótimo trabalho em equipe para mantê-los bem fisicamente, sem dor e com ótimo rendimento. Para isso a fisioterapia deve estar sempre presente antes e após as partidas, realizando um tratamento contra lesões já existentes e para prevenção de novas lesões. É necessário que a fisioterapia trabalhe para a melhora da dor desses atletas para que eles consigam dar o melhor de si nos treinos e na competição, além de trabalhar grupos musculares importantes para tais lesões. A conversa diária entre preparadores físicos, fisioterapeutas e equipe técnica é essencial para a troca de informações sobre queixas, deficiências e tudo o que possa causar uma baixa no rendimento desses atletas

         preparação vÔlei                  dante fisioterapia

preparação bruno vôlei

Vamos então torcer para que a Seleção Brasileira continue dando o melhor de si, e junto com sua equipe multidisciplinar traga esse Ouro tão esperado para o Brasil!!

É Giba neles!!!!!!

 

Ft. Ana Carolina Villa-Lobos

Sobre o autor spallafisioterapia

Spalla Fisioterapia escreveu 78 matérias nesse site.

A SPALLA Fisioterapia é uma equipe com enfoque na área de ortopedia e traumatologia. Nosso objetivo é ser um ponto de referência em reabilitação. Queremos conduzir com precisão nossa missão de promotores de saúde e proporcionar o retorno de nossos pacientes a sua prática esportiva ou ao seu dia a dia no melhor equilíbrio possível.

Queremos seu comentário...