Hipotensão arterial seguida de desmaio – Sassá da susto na quadra

sassá tem hipotensão arterialNa noite do último sábado (16/03) a ponteira Sassá do time do SESI/SP passou mal e teve um desmaio em quadra (também conhecido como síncope) durante a partida semifinal entre Rio de Janeiro e SESI/SP, válida pela Superliga de Vôlei Feminino. O jogo acontecia no Ginásio do Maracanãzinho (RJ), que infelizmente não estava com seu ar-condicionado central funcionando causando uma hipotensão arterial na jogadora.

Sassá passou mal logo no primeiro set do jogo. A atleta começou sentir muita dificuldade para respirar e logo em seguida tentou se apoiar na companheira de equipe Fabiana, mas acabou desmaiando. A jogadora recebeu atendimento médico logo no local pelos médicos de ambas as equipes e pelo fisioterapeuta Guilherme Tanius, o qual a carregou para fora da quadra. A ponta do SESI/SP ainda teve de receber oxigênio e ser levada para uma sala de musculação do ginásio, onde havia ar-condicionado e melhores condições para seu atendimento e recuperação. O fisioterapeuta da equipe do Rio de Janeiro relatou que Sassá teve uma queda da pressão (Hipotensão Arterial) devido ao forte calor que estava no ginásio e também há uma possível desidratação. Guilherme relatou ainda que a jogadora ficou nervosa e isso fazia com que ela tivesse mais dificuldade em respirar.

Desmaio/Síncope: o desmaio, também conhecido como síncope, trata-se da perda abrupta e transitória da consciência e do tônus postural (incapacitando manter-se em pé), seguida de uma recuperação rápida e completa. Na maior parte dos casos, as síncopes ocorrem em decorrência da diminuição do fluxo sanguíneo no cérebro, que pode ser devido a hipotensão arterial. De modo geral, costuma ser de curta duração e bom prognóstico. Trata-se de um evento clínico comum, que atinge mais as pessoas idosas, os portadores de cardiopatias e as mulheres jovens. O agravante nas pessoas idosas é que frequentemente a queda do paciente, em decorrência do desmaio, pode levar a traumatismos e fraturas ósseas. Dentre as principais causas de desmaios destacamos: doenças cardiovasculares, distúrbios metabólicos (hipoglicemia, desidratação e desequilíbrio de sais minerais na corrente sanguínea), uso de medicações (diuréticos) sem a devida indicação médica e hipotensão ortostática.

sassá voleiHipotensão arterial: o termo hipotensão arterial corresponde à queda da pressão arterial abaixo dos níveis de normalidade (pressão arterial sistólica inferior à 90mmHg e diastólica inferior à 60mmHg). No caso da atleta Sassá, a queda de pressão ocorreu devido ao intenso calor dentro do ginásio. Pouco antes do início do terceiro set Sassá voltou a quadra já recuperada do susto e foi muito aplaudida por todos presentes no ginásio.

Tratamento imediato: logo que se verifica que um atleta está apresentado sinais de hipotensão arterial, deve-se coloca-lo deitado e elevar os membros inferiores acima do nível do coração, facilitando assim o retorno venoso. Conforme a pressão for retornando aos seus parâmetros de normalidade e o atleta começar a recuperar os sentidos é importante passa-lo primeiro da posição deitado para a posição sentado e depois para posição ortostática (em pé). É de extrema importância a avaliação médica nesses casos, profissional que vai determinar se o atleta está apto ou não a voltar para a partida. Se houver qualquer dúvida em relação a condição do atleta, deve-se chamar um serviço de pronto atendimento especializado e/ou remover o paciente para um Hospital, onde terá o devido atendimento.

Ft. Igor Phillip

Sobre o autor Igor Phillip

Igor Phillip escreveu 10 matérias nesse site.

Queremos seu comentário...